Início

Implantodontia: descubra tudo sobre essa especialidade médica!

21/06/2022

As oportunidades de trabalho oferecidas aos dentistas são diversas. Entre os ramos em que é possível se especializar e conquistar uma carreira de sucesso está a implantodontia.

Isso porque se trata de um segmento que tem ganhado cada vez mais espaço no mercado. Afinal, os serviços prestados por esse profissional influenciam diretamente na reconstrução dentária, harmonia do sorriso e questões estéticas, contribuindo para a melhoria da autoestima do paciente.

Pensando nisso, elaboramos este artigo para explicar melhor o que é a implantodontia. Você vai conferir os motivos para se especializar na área e demais informações relevantes sobre o tema. Boa leitura!

O que é implantodontia?

É uma especialidade da odontologia que tem como finalidade a reconstrução de uma parte do dente por intermédio de um implante. É feito de forma cirúrgica, dentro do osso da mandíbula ou maxilar.

Nesse caso, o processo é realizado com o uso de parafusos específicos, que têm como função substituir a raiz natural do dente. Dessa forma, a técnica age na manutenção da prótese dentária ou coroa, no local adequado.

Por meio da implantodontia, é possível proporcionar a reabilitação de um ou mais dentes ausentes, além de oferecer suporte a vários modelos de próteses, tanto fixas quanto removíveis. O intuito é restaurar as funções fundamentais dos dentes que, eventualmente, tenham sofrido impactos negativos devido à falta deles, como a fonética e a mastigação.

Outro ponto relevante é que gera impactos diretos na questão estética do paciente, levando em conta que contribui para a harmonia do sorriso e promoção na melhoria da autoestima do paciente.

Sendo assim, é importante ressaltar que, mais que um sorriso bonito, a implantodontia assegura a reabilitação das funções orais do indivíduo e, com técnicas modernas, a instalação de implantes proporciona diversos benefícios.

O que faz um implantodontista?

Entre as principais funções do especialista está a reabilitação oral. Para que isso ocorra, o profissional deve realizar um estudo individualizado do paciente, tendo em vista que vai aplicar um grupo de técnicas particulares de acordo com cada caso.

Afinal, existem vários tamanhos, larguras e comprimentos de parafusos ou implantes, que serão escolhidos observando a anatomia de cada pessoa. Então, para se certificar a respeito de qual é o melhor procedimento a ser realizado, o implantodontista precisa realizar uma investigação minuciosa.

Sendo assim, ele conta com a colaboração de exames de imagem como radiografias, tomografia computadorizada, entre outros da área afetada. Entre as principais atividades realizadas, podemos apontar:

  • diagnosticar alterações nas mucosas da boca e nas estruturas dos dentes;
  • realizar enxertos gengivais, ósseos e implantes dentários;
  • identificar problemas nas estruturas ósseas do maxilar e da mandíbula;
  • dominar as técnicas cirúrgicas usadas para implantes;
  • conhecer métodos e procedimentos laboratoriais associados aos tipos de prótese;
  • fazer a manutenção dos implantes etc.

Como se tornar um implantodontista?

Para ser um especialista em implantodontia, é necessário fazer uma pós-graduação na área. Por meio dela o dentista se qualifica para realizar o procedimento de maneira mais eficaz possível, além de adquirir o conhecimento necessário para dominar todo o processo. E assim transmitir segurança e confiança quem for atender.

Durante a especialização, o profissional é instruído a respeito de como realizar os procedimentos cabíveis para que o paciente receba os implantes, enxertos ósseos e demais procedimentos. Além disso, ele também deve aprender sobre todas as etapas do tratamento (antes, no decorrer e depois da cirurgia), inclusive em relação às orientações certas à pessoa atendida.

Também, para se realizar profissionalmente na área, é necessário tomar algumas decisões certas para se formar e se diferenciar entre os demais. A seguir, separamos algumas dicas que você pode colocar em prática para virar um implantodontista e, assim, se diferenciar da concorrência.

Estude implantodontia

As possibilidades de sucesso serão maiores quando o profissional que busca se especializar em implantodontia também tem uma certa afinidade com o segmento. Sendo assim, antes de escolher essa formação, o ideal é estudar sobre a área para conhecer mais detalhes a respeito dos tratamentos e da atividades que fazem parte da atuação.

Dessa forma, você poderá entender um pouco melhor sobre como será a rotina de trabalho, o perfil dos pacientes que chegarão até o consultório, as técnicas que vai precisar dominar e demais fatores relevantes. Também será necessário se familiarizar com o ramo para ter mais facilidade no decorrer do curso de especialização.

Opte por uma boa instituição de ensino

Pelo fato de a implantodontia ser uma área em constante evolução, você vai encontrar muitos cursos oferecendo esse tipo de especialização. O ideal é não ter o preço como principal critério de escolha, mas sim optar por aquela que realmente possa agregar valor para a carreira profissional.

Sendo assim, procure uma instituição que tenha experiência e credibilidade no ramo de atuação. Contar com uma equipe qualificada, realizar a emissão de certificados válidos e ser reconhecida pelos órgãos competentes também são itens que merecem atenção. Além disso, analise a grade curricular do curso, carga horária e demais pontos que achar importante para esclarecer todas as dúvidas.

Procure informação para adquirir conhecimentos

Ao decorrer da sua especialização, busque todo tipo de informação possível para dominar as técnicas necessárias e se tornar um excelente implantodontista. Para isso, é importante que você vá além do material oferecido pela instituição, realizando pesquisas em várias fontes confiáveis, como as revistas científicas.

Estude detalhes da profissão, tendo em vista que é preciso ter muito entendimento para prestar um atendimento de qualidade ao paciente. Isso porque os procedimentos executados no ramo são bastante complexos e requerem diversas habilidades, com fundamento em conhecimento teórico.

É imprescindível que todos os aprendizados adquiridos venham de boas fontes, garantindo a confiabilidade da técnica.

Realize o registro nos órgãos competentes

O registro nos conselhos regional e federal vai proporcionar um diferencial, principalmente porque os pacientes costumam realizar pesquisas a respeito do histórico do especialista antes de marcar uma consulta.

Afinal, essa prática é importante para ter mais confiança no momento de se submeterem a um procedimento complexo, como o implante. Então, esse registro confere mais credibilidade.

Mantenha-se atualizado

As inovações proporcionadas pelo avanço da tecnologia no ramo da implantodontia têm crescido da mesma forma que a demanda dos pacientes pelos tratamentos.

Por esse motivo, é fundamental, depois de se especializar, manter-se atualizado para usufruir de todas tendências e técnicas. Isso aperfeiçoa cada vez mais o atendimento, além de simplificar a própria rotina de trabalho.

Quais são as vantagens de se especializar na área?

Como já foi dito, a implantodontia é uma área que se encontra em crescimento, por isso, investir nesse segmento pode ser bastante interessante para quem busca por novas oportunidades na carreira. A seguir, veja as suas principais vantagens!

Alta demanda

Diversos são os implantes dentários realizados todos os anos. Dessa forma, existe uma grande procura por profissionais qualificados e habilitados para realizar esses procedimentos de maneira segura e eficiente.

Mercado em ascensão

Como dissemos, no Brasil há uma procura significativa por profissionais especializados em implantodontia. E, por esse motivo, o segmento se torna bastante promissor e com muitas expectativas de crescimento.

Então, apostar nesse segmento pode ser uma boa oportunidade para garantir um retorno financeiro mais satisfatório. Além de aumentar as possibilidades de alcançar o tão sonhado sucesso na vida profissional, especialmente para aqueles que sonham em abrir o próprio consultório.

Ticket médio alto

Um outro ponto que atrai os profissionais a se especializarem no ramo é o bom retorno financeiro proporcionado, já que um implante dentário não é um procedimento barato.

Claro que o valor vai depender da região, tempo de experiência do profissional, cursos de especialização, atualização e aprimoramentos feitos, entre outros aspectos, mas, no geral, o ticket médio costuma ser elevado.

Com isso, é possível dizer que a profissão tem um retorno financeiro positivo. Uma dúvida é sobre quanto ganha um implantodontista, que recebe em média de R$ 3.906,92 em uma jornada de trabalho de 37 horas semanais.

Em relação ao teto salarial desse profissional, de acordo com os dados, o valor fica em média de R$ 7.610,25, considerando os profissionais que atuam em regime CLT de todo o país.

Quais as competências necessárias para um especialista em implantodontia?

O profissional é essencial para a execução de técnicas e procedimentos relacionados à reabilitação oral. Dessa forma, é importante que ele tenha competências e habilidades adequadas e que o capacite para a realização do tratamento necessário à demanda do paciente.

Além disso, existem outros critérios que precisam ser cumpridos para a prática no ramo, como a inscrição no Conselho Regional de Odontologia como especialista depois da conclusão do curso de implantodontia. É esperado, também, a capacidade para tratar com situações de urgência e emergência, além da higienização dos materiais de trabalho e do ambiente para evitar o risco de infecções e demais problemas para o paciente.

Uma questão que precisa ser destacada é a relação com os pacientes, na qual devem ser priorizadas as regras estabelecidas pelo Código de Ética de Odontologia, por exemplo:

  • não fazer nenhum tratamento ou procedimento odontológico sem o consentimento prévio do paciente ou de seu responsável legal, exceto em situações de urgência e emergência;
  • não implementar técnicas ou métodos em comprovação científica;
  • não obter benefícios físicos, emocionais, políticos ou financeiros dos pacientes;
  • não propor ou realizar procedimentos desnecessários ou para os quais não tenha a capacidade necessária.

Onde encontrar uma pós-graduação em implantodontia?

Caso já seja formado em odontologia e pretenda seguir carreira no ramo da implantodontia, o primeiro passo é buscar por uma especialização de qualidade. Para isso, procure indicações e recomendações de cursos.

Você também pode conhecer o curso em implantodontia oferecido pela Inspirali, que tem a finalidade de habilitar o aluno para restaurar perdas dentárias dos pacientes usando implantes e cirurgias complementares, com enxertos gengivais e ósseos por intermédio de um planejamento multidisciplinar.

Além disso, a especialização busca desenvolver o profissional para habilidades específicas nos segmentos protéticos e cirúrgicos, com foco em uma reabilitação oral completa. Apresentando uma carga horária de 200 horas, o curso é destinado a cirurgiões dentistas adequadamente registrados no Conselho Regional de Odontologia ou a estrangeiros que tenham a mesma formação e titulação legalmente reconhecida no país.

Como se destacar no mercado?

Pelo fato de o mercado ser bastante concorrido, é importante implementar algumas práticas como forma de melhorar a qualidade dos serviços prestados. Assim, você se diferencia da concorrência, torna-se referência e, com isso, capta, garante a satisfação e fideliza os clientes.

Para isso, separamos algumas dicas que vão contribuir bastante para esse processo.

Utilize vários tipos de técnicas

Os pacientes que necessitam de implantes têm algumas características e necessidades diferenciadas. Por esse motivo, o ideal é que você domine métodos diversificados, atuando com utensílios e materiais versáteis. Dessa forma, vai conseguir atender um número maior de casos com eficiência.

Conte com produtos de qualidade

Além de todo o conhecimento necessário para prestar um bom atendimento, é importante contar com produtos de qualidade. Então, é preciso se preocupar com esse ponto e escolher com calma os recursos que vai utilizar para realizar os implantes.

Opte por equipamentos modernos

Busque montar o escritório com equipamentos modernos e que contribuam para o conforto do paciente durante o tratamento, proporcionando segurança para todos e otimizando sua produtividade. Com isso, será possível atingir os resultados esperados desde o primeiro procedimento, aumentando as possibilidades de sucesso.

Faça boas parcerias

Contar com bons aliados é essencial para que o profissional disponibilize um atendimento de excelência. Você vai precisar de contar com fornecedores de credibilidade, confiança e que prezem pela qualidade dos materiais disponibilizados.

Também é necessário contar com um laboratório de próteses especializado para que as peças desenvolvidas acrescentem funcionalidade e estética conforme o que o paciente precisa e deseja.

Como você pôde perceber, a implantodontia é uma área interessante para quem busca se diferenciar no mercado e aumentar as chances de sucesso profissional. Mas, para que isso ocorra, é indispensável contar com uma instituição de ensino capaz de prepará-lo para se destacar entre os demais.

Quer conhecer um pouco mais sobre o curso oferecido pela Inspirali? Então, visite a nossa página!

UnP inova e alunos de Medicina realizam aulas de Cuidados Paliativos durante o Internato 

12/04/2024

Integrantes da Missão África participam do podcast Latitude e relatam experiências em Benin

04/04/2024
Scroll to Top