Início

Conheça a importância e como é feita a consulta de puericultura

26/07/2022

Acompanhar o desenvolvimento infantil é extremamente importante para assegurar a saúde dos nossos pequenos e isso deve fazer parte da rotina das famílias, com visitas e avaliações médicas frequentes. Nesse sentido, um assunto muito importante, que precisa ser abordado de maneira mais ampla, é a puericultura.

Embora o nome possa soar estranho para quem não é da área, a puericultura nada mais é do que uma subespecialidade da pediatria, que visa uma supervisão integral do processo de crescimento e das mudanças naturais pelas quais qualquer criança precisa passar.

Ficou interessado? Quer saber o que ocorre em uma consulta de puericultura e outros detalhes? Então, continue sua leitura e aprenda mais sobre o assunto!

Afinal, o que é puericultura?

A puericultura é uma área da saúde que se dedica aos cuidados com as crianças, notadamente os recém-nascidos e os lactentes. No entanto, ela pode se estender para idades mais avançadas da infância ou mesmo na pré-adolescência. É realizada por um médico, sobretudo um pediatra, um especialista de extrema relevância e grande conhecimento técnico específico.

Seus objetivos principais estão relacionados ao desenvolvimento adequado, visando a proteção, a promoção e, dependendo do caso, a recuperação da saúde física e mental dos pequenos. A puericultura também engloba ações de recuperação da saúde, bem-estar e humanização, por meio de cuidados especializados.

Além disso, é essencial ressaltar que as orientações do pediatra são fundamentais para que os pais aprendam, por exemplo, a lidar com eventuais dificuldades. Alguns exemplos são a adaptação no período de amamentação, o reconhecimento de sintomas que possam representar algo grave ou o acompanhamento correto do calendário de vacinação infantil.

Como funciona a consulta de puericultura?

Um dos princípios da puericultura atual é o aumento na frequência das consultas, que vem sendo implementado em diversas diretrizes de saúde pública no Brasil. Com isso, o pediatra consegue acompanhar constantemente o desenvolvimento da criança, identificando precocemente qualquer problema e promovendo uma abordagem precoce.

Nesse sentido, o Ministério da Saúde promove condutas específicas, como a de que a primeira consulta de um recém-nascido deve ser realizada até o 15º dia após o parto. Além disso, o calendário mínimo sugere que sejam efetuadas, pelo menos, 7 consultas de puericultura, feitas com as idades de 1 mês, 2, 4, 6, 12 e 18 meses.

Vale ressaltar que isso foi pensado também para que os atendimentos sejam feitos em sintonia com o calendário vacinal. Isso ajuda o médico a avaliar a carteira e analisar se o pequeno paciente está recebendo todos os cuidados necessários, bem como oferecer uma série de instruções e respostas às dúvidas dos pais.

O que é acompanhado na consulta de puericultura?

Não importa a idade ou a situação: cada paciente terá demandas específicas e somente o profissional especializado em medicina poderá analisar o que precisa ser verificado. No entanto, a consulta de puericultura costuma contar com algumas etapas e procedimentos recorrentes. Veja, a seguir, alguns deles.

Vacinação

Como dissemos, um dos pontos mais relevantes e que são acompanhados na consulta de puericultura é a vacinação. No atendimento, o médico solicitará o calendário vacinal, de forma que possa observar se as doses estão sendo aplicadas nas datas corretas ou se há alguma falha. Também é o momento no qual podem ser sanadas dúvidas e questionamentos dos pais.

Estado nutricional

Não é novidade que as crianças, especialmente as de menor idade, possuem demandas nutricionais específicas. O aleitamento materno, por exemplo, deve ser realizado até os 2 anos, sendo exclusivo até os 6 meses, salvo situações de exceção. Na puericultura, o médico verifica a dieta e se há indícios de desnutrição, obesidade ou necessidade de suplementação.

Medidas antropométricas

Definitivamente, um dos pontos que merecem mais atenção durante a consulta de puericultura são as medidas antropométricas. O pediatra verificará se o paciente está tendo ganho de peso e altura em sintonia com o que é esperado para a idade. Por isso mesmo, a constância e a periodicidade dos atendimentos são cruciais e devem ser respeitadas.

Desenvolvimento

Não é apenas o crescimento físico que é avaliado na consulta de puericultura. Afinal, além do tamanho e peso, a criança também se desenvolve nos mais diversos aspectos da vida, adquirindo capacidades, como a de se locomover sozinha e de se comunicar e sociabilizar com o ambiente ao seu redor. Com isso, qualquer atraso ou peculiaridade pode ser abordado de forma precoce.

Situação emocional

A relação médico-paciente é muito importante em qualquer especialidade. No entanto, o relacionamento familiar também é essencial, ainda mais para uma criança em desenvolvimento. Por isso, desde a primeira consulta de puericultura, isso é avaliado, de forma que seja possível promover as melhores condições no ambiente físico e proteção contra qualquer questão que possa desencadear transtornos emocionais.

Como se tornar um profissional da puericultura?

No contexto da promoção da saúde e da medicina brasileira, é preciso reforçar que qualquer médico devidamente formado e com CRM ativo pode atuar no atendimento de puericultura. Não é obrigatório ter uma especialização em pediatria, embora isso possa ser interessante para aumentar a capacitação técnica para atender recém-nascidos, crianças e pré-adolescentes.

Por outro lado, existem diferentes formas de elevar os seus conhecimentos sobre campos específicos e o médico do futuro deve se preocupar em promover o melhor para pacientes de todas as idades. Nesse sentido, a oferta de cursos livres de aprimoramento surge como uma ótima opção para instrumentalizar o aluno e expandir o olhar para o dia a dia no consultório.

Agora você já sabe como é feita uma consulta de puericultura. É um atendimento muito importante para a sociedade, tendo em vista que ajuda a assegurar o desenvolvimento saudável das crianças. Também permite uma abordagem precoce em caso de qualquer alteração, promovendo o bem-estar e a saúde de pacientes em uma idade tão vulnerável.

Gostou de aprender um pouco mais sobre a importância e também como é feita uma consulta de puericultura? Quer conhecer uma alternativa excelente de especialização ou apenas obter mais informações sobre o assunto? Então, não perca mais tempo: clique aqui e conheça o nosso curso sobre puericultura!

Preocupante projeção de aumento dos casos de câncer

15/04/2024

UnP inova e alunos de Medicina realizam aulas de Cuidados Paliativos durante o Internato 

12/04/2024
Scroll to Top